Posts Tagged ‘ Contos Noturnos ’

Uma Cidade Perdida – Olhos de Sangue – Parte 3

uma_cidade_perdida_olhos_de_sangue

O conto que vocês estão para ler é um novo relato que se passa após os acontecimentos do conto Uma Cidade Perdida.

Partes

01 02

Alguns dias se passaram e a primeira emboscada será feita está noite, um contrabando grande vai chegar no porto durante a noite, e um grupo de militares estará la para dar cobertura aos contrabandistas, o lucro é grande e a divisão provavelmente igualitária entre os militares dificulta o grupo de inteligencia a obter informações mais detalhadas da entrega.

Continue lendo

Anúncios

Uma Cidade Perdida – Olhos de Sangue – Parte 2

uma_cidade_perdida_olhos_de_sangue

O conto que vocês estão para ler é um novo relato que se passa após os acontecimentos do conto Uma Cidade Perdida.

Partes

01

A noite estava calma e nenhum som se propagava pela rua onde Omini aguardava a decisão do grupo sobre sua proposta, seu coração palpitava de fervor em ter conseguido reunir um grupo de potencial indescritível e temor em não conseguir fazer deles os heróis que a cidade precisa, sentado em frente a porta do prédio onde todos estavam ele meditava, de pernas cruzadas e olhos fechados, sua mente se distanciava para acalmar seu espírito e seus instintos se aguçavam para mante-lo seguro.

Continue lendo

Uma Cidade Perdida, Olhos de Sangue – Parte 1

uma_cidade_perdida_olhos_de_sangue

O conto que vocês estão para ler é um novo relato que se passa após os acontecimentos do conto Uma Cidade Perdida.

Partes

02

Após 5 anos dos acontecimentos envolvendo Irvine, um assassino de aluguel patriota, e um chefe de uma guilda de crimes, a cidade não é mais a mesma. Algumas gangues se juntaram para estabelecer o caos entre os comerciantes da cidade, pois suspeitaram que o assassino fora pago por eles para tentar reaver seus negócios. A guilda cujo o chefe foi morto a 5 anos foi fundida junto da maior ameça da cidade, a guilda conhecida como aves do amanhecer, uma guerra foi travada nas ruas enquanto parte dos membros de outras guildas tentavam ascender ao poder, as ruas se tornaram palco de uma chacina lastimável e nada do que a milicia fizesse podia conter tal brutalidade. Durante este período varias casas foram saqueadas e famílias assassinadas, ruas de varejo inteiras sumiram devido aos arrastões que eram realizados todos os dias.

Pouca coisa mantem a capital em pé, a política já é praticamente dominada pelo medo e as pessoas não sabem mais em que confiar. Numa época escura como essa é comum que o espirito das pessoas esteja abalado e fraco, a moral da população não lhes permite nem mesmo manter seus negócios abertos ao entardecer e cada noite sem sangue derramado pelas ruas já é uma vitória para os fracos que não podem se defender.

Continue lendo

Incêndio em Etrian – Parte 2

Partes – 01

Após alguma horas correndo na trilha onde as chamas foram iniciadas, o corpo de Verdi estava fadigado, o ar pesado e poluído por causa da queimada piora a situação do druida, os pulmões se enchem, mas seu sangue não oxigena, a super ventilação faz com que os músculos se tornem cada vez mais fracos, o cérebro vai perdendo o controle sobre o corpo, a oxigenação piora cada vez mais, a visão se torna nublada, o senso de direção se vai e o druida cai, seus rosto se choca com uma raiz exposta, o impacto abre sua sobrancelha, a visão piora e Verdi encontra-se desacordado.

A floresta agora está com o incêndio controlado, as chamas agora estão apenas no caminho de Verdi, o incendiário se aproxima do coração de Etrian, o fogo que queima a floresta pode ser controlado, mas o perigo em incendiar o coração, a nascente de toda a vida,  é de não só matar a floresta, mas todo o equilíbrio mágico e natural do local, um santuário onde natural, divino e mistico se encontram.

Continue lendo

Uma Cidade Perdida – Final

Partes – 01

Sentado junto ao balcão e tomando o vinho Irvine aguardava a presença dos negociadores, mas percebera que o comerciante de escravos também não estava presente ainda, sua informação poderia estar equivoca quanto a hora do encontro, mas os capangas estavam guardando o local, a refeição já estava posta, logo a reunião havia de começar, perguntas e duvidas começaram a preencher sua mente, seu coração começa a palpitar, um sentimento de perigo ronda pela taverna, seu corpo começa a se arrepiar, nunca tivera tanta duvida em seus movimentos, então em meio ao turbilhão de emoções e duvida Irvine decide tomar uma atitude.

Continue lendo

Uma Cidade Perdida – Parte 01

– A cidade já não é como antes, a população triplicou nos últimos 2 anos e não para de crescer cada vez mais, caravanas chegam dia após dia entupindo os bairros e a periferia, não ha empregos e nem mesmo comida para toda essa gente, mas a invasão faz com que todas as aldeias vizinhas venham para a capital. A milicia real não consegue conter os assaltos e o crime organizado, guildas mais organizadas já possuem uma riqueza superior a de qualquer vilarejo próximo das terras do rei. Alguém precisa por um fim nessa rede de crimes antes que percamos a capital para os criminosos. A milicia não tem condições de fazer uma missão como esta, desguarnecer os postos traria um surto generalizado de roubos por todo o comercio, e isso apenas faria com que a guilda mais forte desse lugar a outra, por isso eu vou resolver este problema!

Continue lendo

Incêndio em Etrian – Parte 01

Etrian é uma floresta milenar, sobreviveu a incontáveis tentativas de destruição durante os longos anos, incêndios que eram causados em suas fronteiras para liberar terra para cultivo e até mesmo a presença de orcs não conseguiram por abaixo seu magnifico ecossistema. Os moradores mais antigos da região dizem que nem mesmo um grande incêndio destruiria a floresta pois ela cresce mais rápido do que queima. Seu interior é cheio de galhos e cipós, o chão e coberto por raízes aéreas e muito sedimento deixados pelas intemperes do clima e pelos animais que ali habitam.

Sua flora é composta basicamente de arvores delgadas e densas que possuem a copa muito densa, fazendo com que o solo abaixo delas seja um solo sem muita vegetação rasteira, apenas musgos e fungos se desenvolvem em pedras e nas pequenas áreas do solo que ainda restam. A fauna da floresta é algo que poucos conhecem, a maioria dos seres que vivem nas proximidades de Etrian não se aventura em seu interior, e os poucos que entram nunca vão fundo o suficiente para encontrar algum animal. Mas cerca de 700 anos atrás, um jovem com um estranho dom de manipular pequenas plantas e animais, se aventurou na mata para fugir de seu próprio povo que não o compreendia.

Continue lendo